sexta-feira, 1 de junho de 2012

COISAS DE MT - Foto de filhote de Nego D'água, lenda no Estado, assusta ribeirinhos

Construtores que estão trabalhando na obra da hidrelétrica no rio Caiapó (GO) postaram uma foto na internet do que seria um filhote morto do Nego D’água, uma lenda contada por pescadores da região. O suposto filhote teria morrido durante as explosões de uma pedreira no rio para instalação da hidrelétrica.

A foto começou a circular nas redes sociais e virou uma grande polêmica em Aeronópolis (a 230 km de Barra do Garças), se seria verdade ou simplesmente uma montagem.

Diante da repercussão, na tarde de quarta-feira (30), o biólogo Elias Centofante, responsável pela PCH Santo Antônio do Caiapó, esclareceu que a foto não passa de um truque de photoshop e foi montada pelos próprios funcionários da obra como brincadeira e que aquilo espantou alguns moradores ribeirinhos. A montagem foi realizada durante a folga dos funcionários ouvindo as histórias dos pescadores.

Diz a lenda que o Nego D’água seria um homem que mora no fundo do rio que corta linha dos pescadores e tira o anzol da boca dos peixes. Alguns ribeirinhos, para se verem livre do Nego D'agua, levavam garrafas de pinga para jogar dentro do rio para que pudessem pescar sem incômodo.

O biólogo tranqüilizou as pessoas e disse que tudo não passou de uma brincadeira.

Além do Nego D'agua, o folclore da região conta que no rio Araguaia tem a Buina, uma cobra de chifres com doze metros de comprimento. Em 1997, um pescador conta que teve o barco virado e o amigo engolido por uma Buina. Na época, muita gente ficou com medo de entrar no rio por vários dias.

O recurso de contar essas histórias mirabolantes, diz alguns pescadores, era o meio que os pais achavam para segurar os filhos em casa para que eles não se aventurassem nos rios. E pelo jeito funcionou, porque até hoje o povo lembra dessas histórias.

As histórias de Nego D’água e Buina se assemelham às lendas de Saci Pererê e Mula Sem Cabeça.

Fonte: Blog Ripa nos Malandros